A TONOMETRIA DE APLANAÇÃO faz a medida da pressão intra-ocular, fundamental para o diagnóstico de GLAUCOMA. Oferece valores mais confiáveis da pressão intra-ocular nos casos de córneas muito finas (como nos olhos que foram submetidos à Cirurgia Refrativa) ou muito espessas.

COMO O EXAME ACONTECE?

TONOMETRIA DE APLANAÇÃO irá fornecer ao médico os valores da pressão nos olhos (máxima e mínima). Os olhos são previamente anestesiados e corados com colírios e o exame é realizado. Apesar de simples, sua realização nas consultas é muito importante, indolor e extremamente rápida sendo realizada em menos de 2 minutos para ambos os olhos. Medidas da pressão intra-ocular são consideradas dentro dos parâmetros normais quando aferidas entre valores de 10 a 20 mmHg. No entanto, isoladamente, não fazem o diagnóstico do GLAUCOMA.

Existem pacientes que não possuem dano no nervo óptico que possuem medidas pressóricas acima de 20 mmHg (chamados Hipertensos Oculares) e outros com dano ao nervo óptico mesmo apresentando medidas pressóricas abaixo de 20 mmHg (chamados Glaucoma de Pressão Normal). A pressão intra-ocular é o principal fator de risco para o GLAUCOMA e a redução da PIO é o único tratamento cientificamente comprovado capaz de conter a evolução da doença. Portanto, a medida precisa da PIO é importante para o diagnóstico e acompanhamento do paciente glaucomatoso.